O BLOG do Apólogo

mais sobre mim

os mais recentes

SIM, O POVO TAMBÉM PODE S...

guardados

tags

todas as tags


Domingo, 9 de Março de 2008

SIM, O POVO TAMBÉM PODE SER UM NOJO


Público

SIM, O POVO TAMBÉM PODE SER UM NOJO


Ferreira Fernandes
Mondragón tem 22 mil habitantes, um pólo industrial e uma universidade. Tem um conselho municipal com sete partidos. Todos os dias, chega à vila uma dezena de jornais, em espanhol e basco. Quem quer entra, quem quer sai da vila. Quem quer põe uma bandeira basca à janela. A presidente da câmara pertence à Acção Nacionalista Basca (ANV). O Tribunal Constitucional (de Madrid!) proibiu outras 133 candidaturas da ANV porque estavam ligadas ao Batasuna, e este à ETA e a ETA mata gente com um tiro na nuca (actividade que é ilegal, lembro). Mas o Tribunal Constitucional (de Madrid!) permitiu que a alcaidessa Inocencia Galparsoro concorresse. Ontem, em Mondragón, um ex-vereador foi morto pela ETA porque não era independentista. Inocencia recusou-se a condenar o assassínio. O nome dela é falso. Aliás, o de Mondragón, também: em basco a vila chama-se Arrasate. É mais apropriado. E boa parte de Arrasate, a que vota na ANV, é um nojo. Sim, o povo também pode ser um nojo.


publicado por apólogo às 10:30

link do post | comentar | favorito


pesquisar

 

Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


subscrever feeds